sábado, novembro 19, 2005

espero

"espero
uma chegada,
um regresso,
um sinal prometido.
pode ser fútil ou terrivelmente patético: em erwartung (espera), uma mulher espera o amante, de noite na floresta; eu não espero senão um telefonema, mas a angústia é a mesma. tudo é solene, não tenho o sentidos das proporções. "
schonberg

12 comentários:

Clitie disse...

Anda dai que te faço companhia na espera, pois também espeo ao menos um sinal de vida de algo que neste momento não sei se acabou ou ainda existe...

Bjk e bom fim de semana.

eubozeno disse...

Não esperes. Esse olhar será sempre encontrado, nem que seja o de uma mulher ciclope.

Su disse...

clitie...o q estamos ambas a fazer aqui?? esperando....opssss

eubozeno...não espero? dispenso a mulher cilope:)

jocas maradas para os dois

Su disse...

ops ciclope, até me baralhas ehehe

Ordem do Dia disse...

Su,
Ter-me-ás na conta dos inteligentes. Respondi ao teste e passei. Se calhar sou, se calhar já saberia metade e não contou. Essa espera deu frutos?
Obrigado
Abraço

Ana disse...

A espera é sempre angústia se não há a certeza da chegada. Mas pior é não esperar.
Um beijo.

wind disse...

Sei que gostei, mas fiquei sem palavras. beijos

sem cantigas disse...

um mail, um comentário!

dulce disse...

Querida Su, sei tão bem o que é esperar por algo que não vem nunca!
Desejo que não tenhas que esperar assim.
Beijocas

mfc disse...

Aber ich weiss nicht, ich weiss nicht immer!
Nunca sabemos se chega ou quando chega!

marakoka disse...

ordem do dia...inteligente:) a espera nada deu...buaaaa

ana...esperar para mim é desesperar

dulce..deveria chegar/apararecer/responder, mas...


mfc...é isso memmo que faz angústia

jocas maradas per tutti

AngelBoop disse...

Enquanto esperas tens esperança...é sinal que não desistis-te.jinhos