sexta-feira, agosto 11, 2006


Tenho que escolher o que detesto – ou o sonho, que a minha inteligência odeia, ou a acção, que a minha sensibilidade repugna; ou a acção, para que não nasci, ou o sonho, para que ninguém nasceu.

Resulta que, como detesto ambos, não escolho nenhum; mas, como hei-de, em certa ocasião, ou sonhar ou agir, misturo uma coisa com outra.

Bernardo Soares

8 comentários:

wind disse...

E não misturamos todos, às vezes?:)
beijos

mixtu disse...

sonhar...agindo
petontes marados

hl disse...

Acho que não se escolhe, é instintivo:)
Beijinhos:)

≈♥ Nadir ♥≈ disse...

Que o sol seja o sorriso a dançar no teu rosto.
Bom fim de semana
Beijos

margusta disse...

Su venho deixar-te um beijinho...Sonha e age..mas sem pensares muito :)))

...Pedaços de Mim.. disse...

su..bom resto de bmfdsmana.bjinhos do luis. deixa-te levar pelo momento..em si.

sonia disse...

inteligente esse senhor :)
beijinhos

Luna disse...

quem sabe se o melhor é deixar acontecer sem pensar
beijos