segunda-feira, julho 06, 2009

sou

Sou uma filha da natureza:
quero pegar, sentir, tocar, ser.
E tudo isso já faz parte de um todo,
de um mistério.
Sou uma só...
Sou um ser.
E deixo que você seja.
Isso lhe assusta?
Creio que sim.
Mas vale a pena.
Mesmo que doa.
Dói só no começo.

9 comentários:

simplesmenteeu disse...

O mistério atrai! A diferença assusta... Mesmo assim, os sentimentos, acabam por saber mover-se e aprender a viver no meio de labirintos contraditórios.

Vale sempre a pena tentar!
Beijo terno

Fernanda disse...

Sim...sou assim.

:))


Um abraço sem mar

Pedrasnuas disse...

SUBSCREVO; MESMO QUE DOA,MESMO QUE SE CHORE DEPOIS, SÓ SE PODE SABOREAR O DOCE DO MEL SE JÁ PROVAMOS O AMARGO DO FEL. A VIDA É A COMBINAÇÃO DOS DOIS SABORES...
EXPERIMENTA....O MISTÉRIO!!!

JOCA MARADA

Esterilização Obrigatória disse...

Se gosta do seu animal de estimação esterilize-o por favor, o Controle Populacional é muito importante.
Mais informações em: http://esterilizacao-o.blogspot.com/

ηatalie αfonseca disse...

Adorei!
Simplesmente!
:)

Su disse...

simplesmenteeu; fer; pedras; natalie.............


sou-------------


jocas maradas per tutti





Esterilização Obrigatória ...sou a favor da mesma

Xana disse...

O ser humano é mesmo complicado ... ou é simples??? se calhar a gente é que liga o complicómetro!!! :)

beijo e uma semana linda e feliz

Desambientado disse...

Lindo...

Porcelain Doll disse...

Ser... assusta, de facto... parece tão simples dito assim... ser... simplesmente, ser... mas ser-se de verdade é um enorme desafio. Mas vale a pena. Dói e às vezes não é apenas no começo... nós é que acabamos por nos habituar... e por vezes até viciar nessa dor... de se ser.