quinta-feira, abril 09, 2009

E eu estou a lembrar-me de ti

A Páscoa, assim como outras datas festivas, religiosas ou não, por vezes não dizem nada a certas pessoas.

Mas... se na sua existência está implícito lembrar um amigo, então estas datas já têm muito valor.


Do hebreu Peseach, Páscoa significa passagem da escravidão para a liberdade. Se ainda não conseguiste, liberta-te e deixa o teu "eu" evadir-se das amarras do "não querer" e deixa-o firmar-se no "eu quero", "eu sou" "eu vivo" "eu amo".




6 comentários:

Daniel Aladiah disse...

Querida Su
Pois precisamente porque nos lembramos dos amigos...
Uma Santa Páscoa
Um beijo
Daniel

inês disse...

Uma Santa Páscoa, com muito Amor, Paz e Alegria e atenção aos doces, um segundo na boca é uma vida na anca.

Marta disse...

Lembrar um amigo ou

um sorriso

de alguém

que nos fez

sorrir

muitas vezes!


um bjo muito marado de doce!

boa? :)

sonja valentina disse...

só pelo hino à liberdade, e incentivo à "rebelião", valeu!

feliz páscoa!

Vasco disse...

Boa Páscoa para ti e todos os teus, minha Su!

Fernanda disse...

Ás vezes é dificil libertarmo-nos das amarras que nos prendem ao caís, ... que acabamos sempre por ser escravos de qualquer coisa...
Ás vezes,...até de um pensamento.


Uma Feliz Páscoa,...com muitas amendoas de chocolate...:))

Um abraço sem mar