domingo, abril 09, 2006

Conclusão a sucata!... Fiz o cálculo,

Conclusão a sucata!... Fiz o cálculo,
Saiu-me certo, fui elogiado...
Meu coração é um enorme estrado
Onde se expõe um pequeno animálculo...

A, microscópio de desilusões
Findei, prolixo nas minúcias fúteis...
Minhas conclusões práticas, inúteis...
Minhas conclusões teóricas, confusões...

Que teorias há para quem sente
O cérebro quebrar-se, como um dente
Dum pente de mendigo que emigrou?

Fecho o caderno dos apontamentos
E faço riscos moles e cinzentos
Nas costas do envelope do que sou...

Alvaro de Campos

9 comentários:

Clitie disse...

Era genial Pessoa, nas suas mais variadas identidades.

Bjks e boa semana.

Mocho Falante disse...

ai o Pessoa o Pessoa, sempre actual

beijocas

wind disse...

O lado pessimista de Pessoa. beijos

Enola disse...

o que ha para o jantar mulher? axas que o benfica vai jogar com aquele jogador nas laterais? e a cova da piedade ainda esta no sitio?
Algo urge em mim de falar de voce... adeus inté...

martim disse...

o lúcido campos não engana. bjos.

Su disse...

clitie;mocho falante;wind;martim
.... genial:) é...

camarada...adeus, o elo mais fraco;)



jocas maradas per tutti

perola&granito disse...

(`“·.¸(`“·.¸ ¸.·“´) ¸.·“´)
«`“·.¸.¤ Beijo ¤.¸.·“´»
(¸.·“´(¸.·“´ `“·.¸)`“ ·.¸)

AS disse...

Os sonetos de Pessoa são verdadeiros hinos ao talento!...


Um beijo SU

jorgesteves disse...

Este (ver o post abaixo) também tinha embirrações, embora o maior pendor fosse coisa mais verde...
Mas era Grande, era...
jorgesteves