domingo, janeiro 07, 2007

Metade

Porque metade de mim é o que eu grito
Mas a outra metade é o silêncio

Porque metade de mim é partida
E a outra metade é saudade

Porque metade de mim é o que oiço
Mas a outra metade é o que calo

Porque metade de mim é o que penso
E a outra metade é um vulcão


Porque metade de mim é lembrança do que fui
A outra metade eu não sei ..

Porque metade de mim é abrigo
Mas a outra metade é cansaço

Porque metade de mim é plateia
E a outra metade é canção

(Oswlado Montenegro)

12 comentários:

wind disse...

Somos duas:)
beijos

as velas ardem ate ao fim disse...

Porque metade de mim talvez seja Eu.

E somos 3.

bjinhos

Daniel Aladiah disse...

E ainda procuramos a nossa outra metade... somos um paradoxo e muitas vezes nos contradizemos... somos humanos, nada mais.
Um beijo
Daniel

Frioleiras disse...

Metade de mim ... são os outros ...

António Almeida disse...

porque metade de mim é amor
e a outra metade também.

Sea disse...

metade de nós, será uma contradição?
beijos

Anónimo disse...

inpirador, de facto...

porque metade de mim é fabulosa e a outra metade é louca,
porque metade de mim mente e a outa metade é só uma louca mente! ;)

Rosa dos Ventos disse...

Porque metade de mim é sim e a outra metade é não!

martim disse...

porque o dobro de um beijo...

Zenite disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Su disse...

wind; as velas.....)))))jinhos

daniel....somos humanos.....bjo

frioleiras....uma metade mim tb o é...

antonio.....amor é...

sea...nop..somos metade de ...

fábula...fabulástica:))))

rosa dos ventos....eis a contradição ...

martim...beijo3

zéfiro..gostei de ler.te....toda eu detesta o hemiciclo........


jocas maradas per tutti

Fontez disse...

Juntando as metades temos uma mistura fabulosa de um Ser!