quinta-feira, janeiro 18, 2007

...........................

Edward Hopper, hotel-room
Tive um pouco de amor
na mão aberta.

Quis com ele construir
uma mesa
uma jarra
um assobio de perturbar
fantasmas.

Abriram-se os dedos:
caiu no chão um montão de palavras
inabitáveis.

Egito Gonçalves

12 comentários:

Anónimo disse...

..........
jnhs

Kalinka disse...

Nada melhor para começar o novo ano do que um jantar de confraternização para rever os amigos.
No próximo dia 27 de Janeiro (sábado), vai acontecer mais um encontro da comunidade blogueira, para o qual, desde já, estão todos convidados.
Local do Jantar
Restaurante Tacho da Memória
Rua Francisco Relvas Marques, lote 2, loja 2
Odivelas(Junto aos Bombeiros de Odivelas e a cerca de 500 metros da estação do Metro do Senhor Roubado – Linha Amarela)
Preço 18,00 euros por participante
As inscrições terão de ser feitas até dia 24 de Janeiro com a indicação da escolha do menu e do número de participantes.
Concentração às 19,00 horas, o jantar será servido às 20.00 horas
Um abraço da organização.
LÁ TE ESPERO.

martim disse...

se calhar, uma mão mais apertada. bjo.

Isabel-F. disse...

adorei o poema.
bom fim de semana
bjs

Anónimo disse...

tive o amor na mão, escorreu-me pelos dedos como areia fina... espalhou-se pelo chão...

beijo e bom fim de semana

Rosa dos Ventos disse...

Belo poema e bela imagem!
Gostei!

Pirate disse...

As palavras têm sempre o seu "quê" de inabitável. Cabe aos habitantes que as lêem, dar-lhes sentido...
Belo poema !
Show up ! :-)
Mi casa es tu casa

Carpe Diem

António disse...

Olá, Su!
Depois de uma longa ausência, verifico que, apesar de um novo visual, a filosofia do blog permanece inalterada.
És um bocado conservadora...ah ah ah.

Beijinhos

Su disse...

delfim...:)))))))))))joca

kalinha..merci:)

martim...se calhar.bjo

isabel-f...tb gostei.jinho

nadir....espalhou.se sim....beijos


rosa dos ventos....:)))bjo

pirate....mi casa es tu casa. merci:)))) irei sim.....

antonio....somos!!!! tu continuas igualito:))))))))))))
mas o marakoka existe para a diferença.....opsss nunca o viste..pois é....igual e ocupado...sempre:))))))))


jocas maradas per tutti

António disse...

Escritor?
ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah
(deixa-me respirar)
ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah...uff!

Frioleiras disse...

bonitas ...
as palavras !

Anónimo disse...

O poema é bonito.

Hopper, um dos meus pintores favoritos :)