sexta-feira, agosto 28, 2009

hoje

foto de Paulo A.
hoje é dia de coisas simples / coisas simples como ir contigo ao restaurante/ ler o horóscopo e os pequenos escândalos/ folhear revistas pornográficas e/ demorarmo-nos dentro da banheira/ na aldeia pouco há a fazer/ falaremos do tempo com os olhos presos dentro das chávenas/ inventaremos palavras cruzadas na areia . . . jogos/ e murmúrios de dedos por baixo da mesa/ beberemos cafés/ sorriremos às pessoas e às coisas/ caminharemos lado a lado os ombros tocando-se/ em silêncio olharíamos a foz do rio/ e o brincar agitado do sol nas mãos das crianças descalças/ hoje

[Al Berto], Doze Moradas de silêncio, do livro "Salsugem", in O Medo, 4ª ed. , Assírio & Alvim, Lisboa, 2009.

7 comentários:

Teresa Queiroz disse...

hoje...só hoje. :)

mfc disse...

um magnífico programa...

Isaura Pereira disse...

E que programão !!!!

Regressei e por aqui tenho a leitura em dia ... só me falta ir lá ;)

Jocas bigs

wind disse...

E como pode ser simples:)
Beijos

Fernanda disse...

Hoje...
Também queria tudo isso...

Assim mesmo com coisas simples...
isso tudo...


Abraço sem mar

Su disse...

teresa; mfc; isaura; wind, fer.....



jocas maradas............sempre

Spiritual disse...

É bom funcionar com alguém como se se fosse um só... :)