sábado, novembro 18, 2006

quero


não quero possuir-te, quero navegar-te.

Porque tu és rio e eu o barco





alguém o disse..não sei quem foi....

9 comentários:

Carlos Barros disse...

e quem é o leme?

Mitsou disse...

Fosse quem fosse, disse muito bem!

Beijocas, linda!

Anónimo disse...

"Navegar é preciso, viver não é preciso"

PS: Como já deves ter reparado, mudei de link... (mas já não mudo mais)

pb disse...

e tá muito bem dito, mas, é preciso dirigir o barco com mestria, para que não encalhe nos baixios do rio...beijokas

Reporter disse...

Segura-te que a corrente está forte...

Su disse...

carlos barros; mitsou; arion; pb; reporter......


jocas maradas de mares

António Almeida disse...

mas não me importo de naufragar!

mfc disse...

O sentimento de posse estraga tudo...

NOTA - Sei que o verbo possuir não está empregue no sentido laico de posse!

A. disse...

...flutuando.sempre.inevitável.