terça-feira, fevereiro 10, 2009

Da maneira mais simples

foto de MARIAH
É apenas o começo. Só depois dói,
e se lhe dá nome.
Ás vezes chamam-lhe paixão. Que pode
acontecer da maneira mais simples:
umas gotas de chuva no cabelo.
Aproximas a mão, os dedos
desatam a arder inesperadamente,
recuas de medo
. Aqueles cabelos,
as suas gotas de água são o começo,
apenas o começo. Antes
do fim terás de pegar no fogo

e fazeres do inverno
a mais ardente das estações.
(eugénio de andrade)

10 comentários:

wind disse...

Grande poema!
Beijos

Luis Bento disse...

Grande poema! Grande tratamento de Imagem! Grande paixão!

Dois Rios disse...

Simplicidade e requinte. Esse é o Eugénio de Andrade.

Adoro esse poeta!

Beijos,
Inês

sonhos sonhados disse...

KERIDA SU

...entrei
sentei-me a ler...

...fascinou-me o poema
e
gostei do perfume das palavras!

jinhux létinha

Vekiki disse...

Porque a Paixão é mesmo isso. Algo que vem sem que notemos, que se instala sem que possamos sequer dizer algo, que nos invade e nos deixa noutro mundo...

Xana disse...

A paixão de Andrade dói, mas a minha não! :)

as velas ardem ate ao fim disse...

Eugénio de Andrade deixa me sempre em lagrimas.Emociona me sei lá.sou uma chata é o que é.

um bjo

UMA PAGINA PARA DOIS disse...

Como sempre tudo muito bonito por aqui.
Só passei para dar um abraço


No entardecer,
o sol dança com a chuva
e um arco-íris
no horizonte tinge...
Espera a lua surgir
e entre as nuvens
uma estrela luzir.
Depois, a terra sorri
quando na noite escura
o céu clareia...
Um véu de estrelas
abraça a lua cheia...
O poeta fecha os olhos
e sente o poema
correr em suas veias.
A lua deita no mar
e o sol, novamente
beija a areia.

(Sirlei L. Passolongo)

inês disse...

Todas nós o somos, "da maneira mais simples", fantásticas!

Su disse...

wind; luis; dois rios; sonhos; vekiki; xana; as velas;um pag.., ines.............


jocas maradas................sempre