sexta-feira, agosto 10, 2007

ela

"Esperava, paciente, há horas. Tanto fora o tempo sobejante, que aprendera, primeiro, a lidar com ele, tornando-se observadora nocturna da vida real, depois sonhadora diurna das vidas possíveis."

8 comentários:

C Valente disse...

assi não vale, dali pintou... eu copiei.
EStou bbrincando
Saudações e um bom fim de semana

Ki disse...

Este blog é um hino ao bom gosto. Encanta-me vir por aqui, como quando se passeia por um museu...

És bonita ;-)


Besito

Bartolomeu disse...

E esperou... observou e sonhou...
E tu Su?

Fábula disse...

é bom sonhar, mas tb é bom fazer... =)

Su disse...

c valente..hostei do humor.bjos

ki..merci..merci..jocas per te

bart...eu faço o mesmo..........:) queres saber mais....só a augusta! poderá dizer mais qq coisita:))))

fabula..fazer é optimo..but....

jocas maradas per tutti

C Valente disse...

Claro que são doentes, mas não coitadinhos ,como doentes é necessárioter uma doença involuntária o que não é o caso em muitos e muitos casos, mas entravamos noutro campo que será o que se define como doença
saudações amigas

wind disse...

Belíssimo post.)
Beijos

sinha disse...

tb gostei muito.... muito.

passar pelo teu espaço é uma lufada de ar fresco!

beijinhos