segunda-feira, dezembro 22, 2008

tão belo

O Binómio de Newton é tão belo como a Vénus de Milo.
O que há é pouca gente para dar por isso.
óóóó---
óóóóóó óóó---
óóóóóóó óóóóóóóó
Álvaro de Campos, 15-1-1928
(O vento lá fora.)

2 comentários:

luis disse...

desculpa...eu dei por isso!!

jokas...xanadas...

Su disse...

luis...gostei de saber:)
jocas maradas