sábado, novembro 29, 2008

a vida

foto de Olga
A vida são deveres, que nós trouxemos para fazer em casa.
Quando se vê,
já são seis horas!
Quando se vê,
já é sexta-feira...
Quando se vê,
já é Natal...
Quando se vê,
já terminou o ano...
Quando se vê,
perdemos o amor da nossa vida...
Quando se vê,
passaram-se 50 anos!
Agora é tarde demais para ser reprovado..
Se me fosse dado, um dia, outra oportunidade, eu nem olhava o relógio.
Seguiria sempre em frente e iria jogando, pelo caminho, a casca dourada e inútil das horas...
Seguraria o meu amor, que está há muito à minha frente, e diria , eu te amo...
Dessa forma, eu digo: não deixe de fazer algo que gosta devido à falta de tempo.
Não deixe de ter alguém ao seu lado por puro medo de ser feliz.
A única falta que terás será desse tempo que infelizmente...não voltará mais.
Mario Quintana

10 comentários:

Vieira Calado disse...

O tempo é implacável!


Bom fim de semana (prolongado)

Alisson da Hora disse...

Sábio Quintana...a vida é isso, seja aqui, seja do outro lado...não podemos nos recriminar e olhar para trás...é necessário caminhar adiante, sempre...

abraço!

Dois Rios disse...

Oi, Su!

Estava com saudades daqui!

Sim, Quintana tem razão. A vida é um exercício diário e as vezes precisamos ter coragem para sermos felizes porque o tempo, como diria Mia Couto, "namora com ele próprio. Só finge que gosta de nós."

Um beijo,
Inês

mfc disse...

Mas falta ainda todo o resto que há para viver.
Vamos em frente.

Fernanda disse...

A nossa frustação maior, sempre foi o de nos arrependermos de não termos feito...

Um bom feriado.:)

gôs disse...

vejo ou melhor sinto em todos estes comentásrios falta de pragmatismo e o tão conhecido fatalismo.
aqui como tudo na vida querer é poder. a coragem , e todas as outras tretas surgem naturalmente quando se quer. quando não se quer é o blá-blá aqui explicitado. aqui e em tudo na vida só não fazemos o que não queremos, mm que seja contra tudo e contra todos. de resto é esta mornice sensaborona. bardenti, era a sequencia para a verificação de palavras, desculpem o abuso, sugeriu-me bardamerda.

Su disse...

vieira....implacavel, a palavra certa para o tempo-------

alisson......sempre........

dois rios....saudades de ti tb. gostei dessa frase..........anotei:)

mfc...vamos lá....

fernando...sm duvida....

jocas maradas..sempre

gôs....falta de pragmatismo tem vc.....afinal todos sabemos que não fazemos o que queremos....... por ex: queria mesmo mandá-lo à bardamerda....assim sem mais........ mas aprendi que não devo julgar os outros por delírios e afins .......

gôs disse...

, mas já mandou and i'm still the same, e sem delírio e muito menos afins. a ideia não era ofender, agora a verificação de palavras é topre, sugeriu-me topas?
raramente veho aqui e muito menos comento, daí não se sinta incomodada, porque não foi a ideia, até gosto muito dos seus posts. pensei é que tinha sentido de humor, afinal é xó susceptivel, sorry!

Su disse...

gôs.....uma vez mais, aqui estou eu, o que não é habitual já que não mantenho dialogo no blog como se de um msn se tratasse----------
para ficar esclarecido eu não mandei para lado nenhum, exemplifiquei que entre o querer e o fazer há uma grande distancia.............a pp sociedade nos mostra que assim é...
tb não entendi como é q antes de comentar já tinha as letrinhas..but...eu não pertento tudo saber ............
não me incomodou directamente----
por fim, acredite eu tenho sentido de humor
tenho é um mau feitio do catano...

Su disse...

ops pretendo.........erro na tecla