segunda-feira, outubro 06, 2008

partir

foto de duarte almeida

(...)Partir!
Nunca voltarei,
Nunca voltarei porque nunca se volta.
O lugar a que se volta é sempre outro,
A gare a que se volta é outra.
Já não está a mesma gente, nem a mesma luz, nem a mesma filosofia(...)

12 comentários:

~pi disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
~pi disse...

outras folhas para pisar:

por dentro moram rios

caminhos para pisar

animais

que ainda não viste! :)




beijo





~

Funes, o memorioso disse...

Muito, mas mesmo muito, fraquito este poema do Pessoa. Há 25 ou 26 séculos Heráclito já tinha dito muito melhor.

mfc disse...

É que não se consegue de todo!

acutilante - frank verlag disse...

Fernando Pessoa sempre! E fotografias como essa, tb!

Su disse...

~pi........pi--sarei.:)

funes.....o devir......pois:)

mfc...tb acho....

acutilante..merci:)


jocas maradas .......sempre

as velas ardem ate ao fim disse...

Ás vezes ficar custa muito mais.

um bjo S

Fernanda disse...

Voltar...
Deve-se sempre voltar a partir ou voltar a chegar,...mesmo sabendo que o sabor nunca é o mesmo.

E a fotografia é linda...:))

Ju disse...

Adoro, a foto e a poesia.
Ricardo Reis é o meu favorito... mas com esta imagem, ficou soberbo o AC
B.Ju

Alien David Sousa disse...

Tão verdadeiro. :/

bjs

Irene disse...

o estilo inconfundível de Álvaro de Campos! constatações puras e simples!

D.Ramírez : Somos oque podemos ser. disse...

Muito bom o poema e a foto "street shot" escolhida..
Abs,
Ramírez