quinta-feira, novembro 19, 2009

tenho vontade

foto de Geoffroy Demarquet

"Tenho vontade de erguer os braços e gritar coisas de uma selvajaria ignorada, de dizer palavras aos mistérios altos, de afirmar uma nova personalidade aos grandes espaços da matéria viva." FP

5 comentários:

Funes, o memorioso disse...

Tenho muitas dúvidas que consiga gritar coisas de uma selvajaria ignorada. Nós já conhecemos a selvajaria toda.

Su disse...

funes.....de certeza?:))
jocas maradas

Fernanda disse...

Então grita...
Diz...
Afirma....

Vais ver que ficas muito melhor...contigo mesma...:))

Descarregas..,
Libertas...

mas,...sobretudo,...atiras for de ti,...o que está a mais...

e,... normalmente,... o que está a mais, é o que não interessa, porque é pesado demais...

O simples, é o que nos faz feliz...

E, o simples,...não quer dizer o menos complicado...

Simplesmente,...é o menos pesado!...

Um abraço sem mar

:))

sonja valentina disse...

quando assim, o melhor é soltar a vontade e gritar a plenos pulmões tudo o que alma é incapaz de conter.
força! coragem!
o resultado traduz-se numa fabulosa paz de espírito e serenidade incrível.

Miss jane disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.