domingo, setembro 30, 2007

e toda a noite o pensamento

fotos de joao azevedo
e toda a noite a chuva veio
e toda a noite não parou
e toda a noite o meu anseio
no som da chuva triste e cheio
sem repousar se demorou

e toda a noite ouvi o vento (fp)





7 comentários:

Cláudio disse...

Melhor o visto que o lido. Mas também é melhor o efeito que o fármaco.

Gi disse...

... e o vento não calou
trouxe consigo o cheiro
do sentimento derradeiro
que a chuva não apagou
:)))


Beijinhos

NOBITA disse...

Gostei das fotos e do poema, lindo
Beijos

Tita - Uma mulher, Um blog, algumas palavras disse...

Então??? Nem com xanax??

Olha somos duas. Esta mudança repentina do tempo, este renascer do outono, têm-me deixado ansiosa.

Um beijo e boa semana

Gi disse...

Não foi um pensamento,
foi mesmo mau tempo.

Bjs.

sombra e luz disse...

chuva?...
isso é chuva?... Parace-me o jardim das maravilhas...

A chuva dá de beber às plantas e tão belas imagens fazem-me crescer a mim...

Boa semana

Su disse...

claudio..:))

gi....vero...jinhos

nobita...merci:)jocas

tita...nem com isso....pois somos....e chovia a sério...triste...eu...beijos

gi..tens razão este fds foi um diluvio.......bjo

sombra....são teus olhos...mas que bom saber......bjo



jocas maradas per tutti